Dor de Ser (1985)

“Todos nós buscamos. Com nossa história, nossas dores, nossas dúvidas e certezas, nossos sonhos, procuramos chegar à nossa essência. A cada momento de vida e luta, corresponde uma libertação e, assim, vamos crescendo.
O solo fala de um destes momentos de vida, que pode ser de todos nós”. Neide Neves

“Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é”. Caetano Veloso

Dor de Ser

Coreografia:
Rainer Vianna
Música: Travelling – Meredith Monk
Solo: Neide Neves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *